empresa competitiva

Competitividade empresarial – Como alavancar o negócio

Competitividade empresarial – Como alavancar o negócio

Competitividade empresarialA competitividade empresarial é, ao mesmo tempo, a grande motivadora para a geração de negócios e para a inovação e também o grande desafio enfrentado diariamente pelas empresas de todos os portes.

A questão que surge é: como alavancar um negócio em meio a tanta disputa?

Sabemos que uma série de fatores influencia e determina o grau de competitividade de uma empresa. Por isso, não há mágica. É necessário muito trabalho diário para que uma empresa se mantenha viva e com forte atuação no mercado.

Porém, algumas ações e cuidados são sempre necessários para que um negócio não deixe de competir e seja deixado de lado pelos consumidores.

Vamos nesse artigo explorar o tema da competitividade empresarial e a importância de continuamente estudar e definir meios de melhorá-la.

Recomendamos alguns artigos para aprofundar no assunto:

A competitividade empresarial

Uma empresa não é uma ilha distante de tudo. Ao contrário, toda empresa está inserida em um ambiente que influencia nas suas ações (e inações) e que também é influenciado por aquilo que a empresa realiza.

O que ocorre é que esse ambiente não é ilimitado ou infinito. Muitas empresas disputam os mesmos consumidores, oferecem produtos e serviços semelhantes e desejam crescer e se destacar. E daí nasce a competição.

O desafio de toda empresa, portanto, é possuir uma gestão adequada, produtos e serviços de qualidade e uma boa estratégia de atuação que permita à empresa competir e aproveitar bem as oportunidades que o seu mercado oferece.

Infelizmente, é grande o número de empresas – principalmente as organizações de menor porte – que não dão a devida atenção à sua capacidade de competição. Acreditam que basta estar no mercado e ter um produto para oferecer e tudo acontecerá.

Há também empresas que apenas se preocupam em cuidar da sua competitividade quando o mercado se torna mais exigente. Ou seja, enquanto as vendas e os negócios vão bem, não há um momento em que a empresa analisa o mercado e identifica as oportunidades e ameaças; isso somente acontece quando a situação começa a se mostrar negativa.

Vale ainda lembrar que o mercado está em contínua mudança, e uma empresa que atualmente está em boas condições de disputa, em pouco tempo pode ser deixada para trás.

Investir para aumentar a competitividade

Assim, fica claro que para uma empresa se manter competitiva no mercado é preciso cuidar e agir. E isso, sem dúvida, demanda investimentos.

Não se trata aqui de considerar apenas os grandes investimentos, mas principalmente de investir da maneira certa.

São diversos os fatores que influenciam no nível de competitividade empresarial de um negócio:

  • Capacidade de inovação;
  • Produtos e serviços de qualidade;
  • Diferenciais comerciais;
  • Capacidade de produção e entrega;
  • Alcance geográfico;
  • Ações de marketing;
  • Entre outros.

Uma empresa que conhece bem o seu mercado, os concorrentes e os consumidores saberá perceber qual o melhor investimento para se diferenciar e se destacar. Por vezes, um investimento pequeno na situação correta pode abrir mais portas do que um grande investimento sem planejamento e estudo.

Para entender ainda melhor como identificar novas oportunidades de negócios para realizar os investimentos corretos, acesse o e-book: Como identificar oportunidades de negócios.

Conhecer o mercado é fundamental

Uma empresa que não conhece profundamente o seu mercado já comprometeu seriamente a sua competitividade empresarial.

Se estamos nos referindo aqui a uma competição de empresas, é fundamental conhecer com quem estamos competindo – isto é, os concorrentes. Mais do que isso: a concorrência existe pois há uma oferta e um público semelhante, e também é fundamental conhecer esses consumidores e suas necessidades. Mais ainda: se tudo isso está em contínua mutação, é preciso estudar para entender para onde o mercado está caminhando e o que se espera dele no futuro, a fim de não ser surpreendido e ter o seu negócio comprometido.

Esse conhecimento sobre o mercado precisa ser atualizado e realista, e não baseado em conceitos e verdades que foram assumidos no passado e que já não vigoram mais.

Para entender mais sobre o monitoramento do mercado, acesse o e-book Razões para monitorar o mercado e conheça o ADI-Mercado:

Quer compreender melhor a importância de conhecer o mercado e como isso afeta a competitividade empresarial? Confira os seguintes artigos do blog da Intelliplan Consultoria Empresarial:

Estabelecer parcerias para ganhar força e alcance

Outro ponto essencial quando tratamos de competitividade é a importância de unir forças para dar passos mais largos e firmes. É um engano acreditar que sozinha uma empresa chegará longe.

Quando falamos de parcerias, nos referimos tanto em parceiros que serão uma ajuda precisa para assuntos internos como parceiros que ajudarão na atuação mercadológica. Contar com o auxílio de uma consultoria de gestão, por exemplo, pode ser um parceiro incrível para ajudar a empresa a ser melhor gerenciada e a obter melhores resultados com os recursos disponíveis e, com isso, melhorar a sua capacidade de oferecer produtos e serviços de qualidade. Ou ainda contar com a parceria de uma agência de marketing ou de uma empresa que oferece uma solução complementar àquela que sua empresa oferece, pode ser uma força a mais para alcançar novos mercados.

Obviamente, toda parceria precisa ser muito bem estudada e planejada antes de ser praticada. Trata-se de uma ajuda mútua, onde ambas as partes devem ter interesse e devem se beneficiar.

Gerar novos negócios para se manter competitivo

Outro risco para a capacidade de competição de uma empresa é acomodar-se na maneira e nos negócios que já realizou.

Uma empresa para se manter sadia deve continuamente buscar e gerar novos negócios. E novos negócios não significam necessariamente o aumento das vendas. Nós tratamos profundamente desse assunto no e-book: Gerando negócios com inteligência digital e competitiva.

Gerando negócios com inteligência digital e competitiva

É primordial que toda empresa garanta no presente que ela esteja com condições de sobreviver, competir e crescer. Mas essa não pode ser uma situação limitada ao presente. Não basta que uma empresa “exista”, é preciso que ela “continue existindo”. Dito de outra forma: as empresas realizam suas ações no hoje, mas essas ações devem levar em consideração a necessidade e a importância de garantir a sobrevivência e o crescimento da empresa, para que também no amanhã ela possa se destacar no mercado. E daí a importância de continuamente gerar novos negócios.

Como uma consultoria empresarial pode ajudar?

O trabalho de uma consultoria empresarial é ajudar as empresas a melhorar os seus resultados e alcançar os objetivos definidos.

Esse trabalho, seja ele focado em gestão, estratégia ou mercado, faz com que a competitividade de uma empresa aumente em virtude das diversas melhorias que são desenvolvidas e implantadas.

Quer conhecer melhor o trabalho de uma consultoria empresarial? Veja esses artigos:

Conheça como funciona uma consultoria empresarial

Para aprofundar o seu conhecimento sobre consultoria empresarial e entender como ela pode ajudar a sua empresa a ser mais competitiva, faça o download do e-book: Por que contratar uma consultoria empresarial?

Por que contratar uma consultoria empresarial?

Para conhecer mais sobre a Intelliplan Consultoria Empresarial, acesse o nosso site.

Posted by Consultor Intelliplan in Estratégia Empresarial
5 dicas para uma pequena empresa ser mais competitiva

5 dicas para uma pequena empresa ser mais competitiva

Pequena empresa competitivaA disputa por fatias do mercado e pelos consumidores está cada dia mais acirrada. E é um desafio ainda maior para uma pequena empresa (que possui menos recursos) ser mais competitiva. O fato é que não fazer nada para ser mais competitivo já é retroceder; se muitas empresas estão aprimorando o seu negócio, aquelas que não estão fazendo-o logo ficarão para trás. Não é preciso cometer um grande erro para deixar de ser competitivo, basta não agir em prol do crescimento da empresa.

Vamos nesse artigo expor 5 dicas para tornar uma pequena empresa mais competitiva. Você pode ainda saber mais sobre o assunto através do material: Como aumentar as vendas com consultoria de mercado.

Dica #1 – Conheça os seus clientes e concorrentes para ser mais competitiva

Cada vez mais o atendimento e a oferta de produtos e serviços se tornam personalizados. Os consumidores querem receber algo feito para eles, de acordo com as suas necessidades, e não algo feito para todos. Por isso, uma empresa para ser mais competitiva precisa conhecer a fundo os seus clientes.

E o mesmo se pode dizer sobre os concorrentes: competir sem conhecer quem está buscando os mesmos objetivos que você é um risco enorme. Quando uma empresa conhece os seus concorrentes e mantém esse conhecimento atualizado, ela se torna mais competitiva pois possui informações que a ajudarão a tomar decisões no tempo correto para não ser surpreendida. Afinal, com o aumento dos concorrentes, os consumidores passam a ter mais opções de escolha antes de contratar um serviço ou comprar um produto, e daí a importância de concorrer as ofertas que seus concorrentes fazem.

Dica #2 – Se adapte à realidade

Muitas empresas querem sobreviver e crescer hoje agindo da mesma forma que agiam no passado. O mercado evoluiu, as pessoas mudaram, as tecnologias proporcionam agora novas possibilidades. Se quer ser mais competitivo, esteja de acordo com o que a realidade atual pede.

Não se trata aqui de ser a empresa mais moderna do seu segmento, mas sim de deixar para traz tecnologias, práticas de gestão e de estratégia, formas de atuação comercial e de atendimento ao cliente, entre outras ações, que não são mais condizentes com o mundo atual. E se o seu concorrente também sobrevive preso ao passado, pode ser um bom momento para a sua empresa sair na frente e dar um salto na competitividade.

Dica #3 – Se prepare para as tendências

Atualmente já existem soluções para monitorar o mercado e acompanhar tudo o que está acontecendo e o que está por vir. Uma pequena empresa com alta competitividade é aquela que também se prepara para as novidades que estão surgindo (ou, quem sabe, é aquele que propõe novidades para o seu mercado).

É preciso que o pequeno empresário e todos os gestores da empresa estejam atualizados sobre o que está previsto para o seu segmento, como ele pode impactar o mercado e a sua empresa, e comece a se preparar para isso. Com isso a sua empresa se torna mais ativa e menos reativa.

Dica #4 – Revise o seu modelo de negócios

Talvez a forma como você busca, propõe, constrói e mantém negócios já não seja tão adequado. Muitas pequenas empresas possuem um produto ou serviço de qualidade e atual, profissionais competentes e boa estrutura, mas querem vender e tratar o mercado da mesma forma que há 30 anos.

Obviamente, não é fácil deixar um modelo de negócio que a empresa utiliza há anos (e nem sempre ele precisa ser totalmente renovado). Mas é necessário revisá-lo para saber até que ponto ele continua atual e coerente.

Dica #5 – Invista em inovação

Se queres ser competitivo, inove. E inovar não significa inventar algo totalmente novo ou mudar totalmente um conceito: a inovação por ser com pequenas mudanças. As empresas mais competitivas são aquelas que estão continuamente buscando novas oportunidades e identificando como os produtos, serviços e negócios podem ser melhorados.

É preciso sair da zona de conforto, quebrar paradigmas e enxergar além da realidade vivida pela empresa. A criatividade está envolvida nesse processo, mas se trata muito mais de pesquisar, analisar, descobrir o que está acontecendo e o que o mercado está demandando.

Revisando o plano de negócios

Em resumo, para uma empresa ser mais competitiva é preciso, por vezes, revisar o plano de negócios. Isso porque o engano de muitos empresários é pensar que um plano de negócio deve ser utilizado apenas na construção de novas empresas, e não serve para empresas que já estão em funcionamento.

Ao contrário, o plano de negócio é uma excelente ferramenta para repensar um negócio já existente, tornando-o mais coerente com a realidade atual e preparando-o para lidar com o que está por vir.

Por isso, a Intelliplan Consultoria Empresarial desenvolveu o e-book: Como elaborar um plano de negócio. Basta acessar e fazer o download!

Como elaborar um plano de negócio

O importante é buscar continuamente o crescimento e o aumento da competitividade. Parar de lutar é um risco muito grande para uma pequena empresa.

Posted by Consultor Intelliplan in Estratégia Empresarial